domingo, 9 de outubro de 2016

Gracias a la vida

Quinta-feira passada sofri um assalto à mão armada. O segundo de minha vida. Não existem palavras para descrever o que passa na cabeça e no coração da gente numa situação dessas. Agora fica o trauma por um tempo, a desconfiança de qualquer pessoa que se aproxime da gente, na rua, a qualquer horário. Com tudo que se tem notícia sobre a violência nacional, sei que devo agradecer por estar viva. E aí, me caiu a maior ficha.

Quatro anos atrás eu enfrentei uma depressão profunda. Um processo acumulado de uns 3 anos. Chorava quando acordava de manhã, pois abrir os olhos significava que eu estava viva, teria que tocar aquele dia que me tinha sido concedido mais uma vez. Mas, ao longo destes dias, eu ficava pensando em maneiras de acabar com minha vida, modo pelo qual eu acreditava, teria fim o sofrimento que machucava minha alma. A cada rua que eu cruzava, pensava em me atirar na frente de algum veículo. Felizmente, eu nunca tive coragem.

O assalto dessa semana me mostrou o quanto estou curada. Eu tive um medo tremendo de morrer. Porque eu quero demais viver! Porque amo minha vida. Porque fui lembrada de tantas pessoas as quais sou importante e faria falta, que me amam. Porque ainda tenho tantos sonhos e planos futuros a realizar. A vida não é fácil. Mas é linda. Apaixonante. Instigante. Descobri que posso sempre extrair mais dela do que ela me oferece. E é isso que tenho feito, nos últimos três anos, a cada agora abençoado amanhecer que me é presenteado.


Como eu disse, fica o trauma, o medo. Mas como adoro ver a metade cheia do copo, quero terminar essa semana que me foi de uma grande provação, te lembrando sobre gratidão na adversidade; sobre como até o que é ruim pode ser uma oportunidade de reflexão e crescimento. Te falar que até o fim do poço, tem saída. Falo com propriedade eu já estive lá. Hoje, sou grata à minha vida! Seja grato à tua, à incrível chance que vais receber amanhã, quando o sol nascer, de tentar fazer ainda melhor.
Vamos juntos!

Um beijo,
Cláudia

2 comentários:

Unknown disse...

GRATIDÃO MEUS AMORES,POR PARTILHARES CONOSCO,TUDO ISSO,GRATIDÃO POR SUA LUZ,POR SUA DOÇURA,POR SUA AMIZADE,POR ESSE RELATO,PELO ENSINAMENTO PASSADO,POR SEMPRE TERES UMA PALAVRA PARA ME DAR,ADORO VC

ÉVILIN VIÇÓSA disse...

OBRIGADA MEUS AMORES POR SUA LUZ,POR PARTILHAR CONOSCO SUA EXPERIÊNCIA,POR CONFIAR A NÓS ESSE RELATO Q NOS ENSINA TANTA COISA,GRATIDÃO MINHA AMIGA POR TUDO,POR SUA DOÇURA,POR SUA AMIZADE,PELO ENSINAMENTO PASSADO,POR SEMPRE TERES UMA PALAVRA AMIGA,ADORO VC,CONTE COMIGO SEMPRE