segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Retrospectiva 2007

Já escrevi sobre isto: às vezes é preciso olhar para trás para dar ao futuro o olhar esperançoso e feliz que ele merece.
Em dezembro do ano passado fiz uma retrospectiva de 2006 e o saldo era positivo. E ao pensar em fazer a versão 2007 percebo as coisas ainda melhores:

- O Caio atingiu uma estabilidade imunológica bem interessante e as visitas ao PA (Pronto Atendimento) praticamente inexistiram. As especialidades médicas e suas freqüências também já não são mais tão necessárias. Vários exames apontam um organismo cada vez mais sadio e normal. É um menino doce e muito alegre.
- O Yuri passou lindamente pela primeira série, sendo aprovado com excelentes notas. Mostrou à equipe da escola que o acompanha há quase 4 anos, um grande amadurecimento emocional, despontando características como generosidade, afetividade e solidariedade. E ainda apresenta-se como um bom esportista, destacando-se no judô e futebol.
- Encontramos um melhor equilíbrio financeiro em relação aos últimos 2 anos (ok, nada de grandes saldos bancários, mas as dívidas diminuíram consideravelmente e pudemos fazer algumas pequenas aquisições).
- Posso dizer que desde que me tornei mãe, pela primeira vez vivencio maternidade e profissão de um modo equilibrado.
- Estou investindo seriamente na minha carreira, percebendo que o reconhecimento que tanto almejo agora é meu colega de sala.
- Fiz novas amizades muito gratificantes, através deste blog e fora dele.
- Fortaleci outras amizades que já se tornaram essenciais à minha vida.
- Cada vez mais vejo através deste espaço a possibilidade concreta de realizar um grande sonho pessoal. Entre minhas promessas para 2008 está correr atrás dele para que se concretize verdadeiramente.
- Muitas neuras e medos permanecem, mas estou aceitando eles como parte da pessoa interessante e bacana que posso ser.

Em suma é isto. Ainda tenho – graças a Deus – muitos objetivos pelos quais lutar e sonhos que quero tornar reais. Mas no geral, a vida tem sido boa. Olhando pra trás, 2007 foi 10! Em 2004, muita insegurança. Em 2005, muita dor e luta. Em 2006, alguma confiança ainda que receosa. Em 2007, as coisas assumem devagar os seus devidos lugares. Devagar? Isto é muito relativo, costuma me dizer um sábio amigo. Deus trabalha a Seu tempo e à Ele vale o meu merecimento e não a minha imperfeita ansiedade. Tô tentando aprender.
E se acredito que ainda tenho, com *meus frutos, muito a plantar e muito mais ainda a colher, o tempo pode estar apenas começando. Tempo de ser plenamente feliz. Que venha 2008!

*Meus frutos são meus filhos, minhas idéias, meus textos, as abobrinhas que compartilho, as grandes amizades que conquistei, as minhas lutas. Se estás aqui, lendo até o final, bem-vindo à esta colheita! Fazes parte - e obrigada por isso - dos frutos que colho ao longo da vida.

8 comentários:

Val disse...

Foi em 2006 que te conheci, mas foi em 2007 que entrei definitivamente na tua vida!! E sei que daqui pra frente estes frutos só darão colheitas maravilhosas. Ei, caso não saibas ainda, entrei pra ficar tá?? bjs

val disse...

oi nunca comentei, mas sempre que posso leio e adimiro o que vc escreve. parabens pelos seus frutos (todos os em asterisco). acho que vc já sabe que escreve mto bem e tb deve saber que ajuda e inspira muita gente com sua escrita. acho que imagino qual seja seu grande sonho pessoal e torço para que ele aconteça. bom 2008! val.

Luciana Pessanha Pires disse...

Belo balanço, Dinha! Vejo como você é forte e supera os obstáculos. O futuro, certamente lhe trará outras grandes eperiências e a cada dia você sentirá mais paz, terá mais equilíbrio e força frente as adversidades. Seus frutos estão bem cuidados.
É um prazer imenso ser sua amiga e aprender com você.
Ótima semana, querida!
Beijo e muito carinho!

Claudia disse...

Como é bom olhar pra trás e ver o tanto de coisas boas que vivemos, né? Eu, às vezes, tenho uma tendência a dar ênfase ao negativo, mas posso dizer com todas as letras que 2007 foi um bom ano e fico imensamente feliz em saber que o seu também foi. Beijos pra vcs.

Babi e Theo disse...

Eu só desejo um 2008 grudaDINHA em vc, pra aplaudir e vibrar com todas as tuas conquistas!! Beijos meu amor!!
Ahhh! é claro, e te dar aquela mão sempre que vc precisar, aliás as duas mãos, né?!

Imã de malices disse...

Dinha, pelo andar da carruagem, então 2008 será 'nos trinques' rsrs

Beijos, amiga querida - te amo!

tati perolada disse...

querida, que 2008 te traga um pomar carregadinho, viu? muitos beijos!

disse...

Que venha 2008, desde que eu possa continuar compartilhando teu saldo positivo! Bjs